TÉCNICAS

RPG

A Reeducação Postural Global – RPG é um método de fisioterapia que faz a correção da postura através de alongamentos globais que envolvem todas as cadeias musculares do corpo, e se utiliza também de exercícios ativos ministrados e aprendidos pelo paciente e ainda reforço na conscientização de percepção do alongamento e retração das cadeias musculares de forma global, constando de um método de educação e orientação das posturas.

Fisioterapia indicada para dores e distúrbios na coluna vertebral, má postura, problemas ortopédicos, inflamações osteoarticulares, estresse, cefaléia, labirintites, ansiedade, dentre outros.

PNF - MÉTODO KABAT

A Facilitação Neuromuscular Proprioceptiva (PNF), ou Método Kabat, é mais que uma simples técnica: é uma filosofia de tratamento cuja base está no conceito de que todo ser humano, inclusive aqueles portadores de deficiência, tem um potencial ainda não explorado.

            “Facilitação” é tornar fácil, “Neuromuscular”, que envolve músculos e sistema nervoso, e “proprioceptiva”, que se relaciona com receptores sensoriais que informam sobre o movimento e posicionamento corporal. A partir disso temos um enfoque terapêutico sempre positivo, com uma abordagem global e buscando facilitar o paciente a alcançar seu mais alto nível funcional.

DRY NEEDLING

O Dry Needling (Agulhamento à Seco) do ponto-gatilho é um procedimento amplamente difundido e usado por fisioterapeutas ao redor do mundo como parte da prática clínica ou concomitante a outros métodos de terapia física. Caracteriza-se como um tratamento específico para a desativação do ponto-gatilho ,em que agulhas de acupuntura são inseridas na pele ou no músculo dos pacientes que apresentam a Síndrome Dolorosa Miofascial (SDM).

Os pontos-gatilho miofasciais (“mio” vem de músculo e “fasciais” vem de fáscia, que é uma espécie de membrana que recobre todos os músculos.) são pontos hipersensíveis de dor com nódulos palpáveis, presentes em certa extensão muscular, onde a dor acontece sob a pressão digital ou espontaneamente, podendo ou não ocorrer irradiação. Esses pontos se encontram em banda tensas, que são grupos de fibras musculares contraídas ao longo do músculo.

MÉTODO MAITLAND

Método Maitland foi desenvolvido pelo fisioterapeuta australiano Geoffrey D. Maitland. É assim definido por seu tratamento não ser embasado apenas numa técnica de mobilização articular em si, mas sobre uma filosofia que engloba a avaliação e o tratamento, que defende o raciocínio clínico baseado principalmente nos achados clínicos.

Esse método é utilizado para aliviar dores e liberar com segurança determinadas estruturas, apresentando o objetivo de restaurar os movimentos e a amplitude de movimento normal, melhorando, assim, a função do indivíduo.

CONCEITO MULLIGAN

O Conceito Mulligan® surgiu tem como um de seus “princípios” o de que “falhas posicionais” limitam movimentos fisiológicos e causam dor.

As técnicas do Conceito Mulligan® foram desenvolvidas para reparar essas pequenas falhas, fazendo uso de técnicas que envolvem a combinação de mobilização articular acessória associada ao movimento fisiológico ativo de forma indolor. É uma das técnicas de terapia manual mais seguras e confortáveis para o paciente.
O resultado esperado é o alivio imediato da dor e o aumento do arco de movimento.

OSTEOPATIA

O profissional que pratica a Osteopatia – o Osteopata – utiliza somente as mãos para realizar o diagnóstico osteopático e tratar de seus pacientes; para tal, é necessário que tenha uma vasta experiência teórica e prática da aplicação das técnicas manuais diagnósticas e terapêuticas osteopáticas.

A Osteopatia é indicada, de uma forma geral, no tratamento das disfunções do corpo humano, principalmente mecânicas, onde ocorre uma alteração da função CONCEITO MULLIGANde alguma estrutura.

Como exemplo, podemos citar as lesões musculares e articulares (pertencentes ao sistema musculoesquelético), as que se relacionam aos sistemas circulatório e nervoso, aos órgãos internos e ao sistema conjuntivo (dos tecidos de sustentação do corpo humano), mais especificamente do tecido ligamentar conhecido como fáscias.

MOBILIZAÇÃO NEURAL

A mobilização neural é um conjunto de técnicas que visam colocar o neuroeixo em tensão e alongá-lo por meio de mobilizações específicas.

O tratamento consiste na aplicação de movimentos oscilatórios e/ou brevemente mantidos ao tecido neural para restaurar o movimento e a elasticidade do sistema nervoso, promovendo o retorno de suas funções normais (KIAN, 2009).

Portanto, a técnica parte do princípio de que um comprometimento da mecânica do sistema nervoso (movimento, elasticidade, condução, fluxo axoplasmático) pode resultar em outras disfunções próprias do sistema nervoso ou em estruturas musculoesqueléticas que recebam sua inervação. As síndromes compressivas e a tensão neural adversa são exemplos destas disfunções.

O restabelecimento da mecânica adequada, por meio do movimento e/ou tensão, permite recuperar a extensibilidade e a função normal do sistema nervoso, bem como das estruturas comprometidas (OLIVEIRA JÚNIOR E TEIXEIRA, 2007).

BANDAGEM FUNCIONAL

Kinesio Taping® é um método de bandagem que tem como objetivo a estimulação do sistema tegumentar (pele), através de estimulação somato sensorial. Ela auxilia na terapia por meio de estímulos mecânicos constantes e duradouros na pele que por meio dos mecano receptores realizam um arco neural e contribuem para a percepção da posição e movimento articular.

É uma forma diferente de abordar as desordens musculares, tendinosas, ligamentares e circulatórias. A bandagem cria uma estabilização articular limitando as amplitudes e exerce uma pressão sobre a região da lesão, que induz a uma redução da circulação subcutânea. O Kinesio Taping® permite liberdade de movimento e funciona como uma bomba estimulando a circulação linfática.

LIBERAÇÃO MIOFASCIAL

Miofascial: mio = musculo + fáscia = tecido conectivo. Ou seja, miofascial significa fáscia muscular ou fáscia que envolve os tecidos musculares.

Liberação miofascial é uma técnica altamente especializada de alongamento utilizado por fisioterapeutas para tratar pacientes com uma variedade de problemas de tecidos moles.

A fáscia é uma lâmina de tecido conjuntivo que envolve cada músculo, e cada fibra dentro de um musculo, protegendo e evitando o atrito e coordenando seus movimentos. Auxilia no deslizamento dos músculos entre si. Em certos locais, a fáscia pode se encontrar mais espessa e dela partem prolongamentos que vão se fixar aos ossos, denominadas de septos intermusculares, com função de separar grupos musculares em compartimentos.

CROCHETAGEM

A Crochetagem é uma técnica inovadora de terapia manual, utilizada na fisioterapia. O diferencial dela em relação a outras mais convencionais é que possibilita manipular regiões mais intrínsecas, inclusive as articulares, como cápsulas, ligamentos e até mesmo músculos.

Indicada em qualquer afecção osteomioarticular que apresente fibroses ou aderências, a Crochetagem tem como objetivo produzir hiperemia profunda, facilitar o retorno venoso e recuperar a elasticidade e a plasticidade dos tecidos moles (músculos e fáscias).

A técnica de crochetagem trabalha a quebra de aderências entre diferentes estruturas e profundidades dos tecidos envolvidos no movimento, direta ou indiretamente.

Indicações da Crochetagem:

• Aderência de cicatriz, seja por cirurgia de artroscopia ou cirurgia aberta;
• Pós imobilização, na maioria das vezes de longa data, onde se perde a amplitude de movimento;
• Pós-trauma, onde lesões com edema (inchaço) possam causar dor;
• Lesões inflamatórias ou não inflamatórias, como por exemplo: lesão por esforço repetitivo, lombalgias, ciatalgia, fascite plantar, tendinites, torcicolo, cefaléia entre outras...
• Pessoas que utilizam muito a musculatura, o que pode gerar lesões em articulações, como: contraturas de panturilha, canelite em maratonistas, pubalgia em jogadores de futebol.

A técnica é muito eficiente para tratar lesões por esforço repetitivo e, principalmente, para atletas, pelo "over uso" da musculatura.

Please reload